Estudo de caso da Universidade George Mason

Solicitarinformações

Desafios

Por mais de uma década, a universidade emitiu cartões de identificação com tarja magnética que, além de se desgastarem rapidamente, se baseavam numa tecnologia de segurança antiga, que não tinha os recursos criptográficos dos cartões inteligentes, deixando-os vulneráveis à clonagem e à falsificação. Além disso, era difícil atualizar e gerenciar as travas das portas e os cartões antigos do campus.

Era possível melhorar a segurança do campus passando a adotar a nova tecnologia dos cartões inteligentes sem contato, mas seria mais eficiente e conveniente usar uma solução flexível de "cartão único", que permitiria o uso da identificação da Mason não só nos sistemas de controle de acesso, mas também em outros aplicativos e serviços de valor agregado dentro e fora do campus.

A solução

Ao trabalhar com a HID Global e com a ASSA ABLOY, a sua matriz, a George Mason conseguiu projetar uma solução de identificação econômica e abrangente, que permitiria aos administradores da universidade migrarem o sistema de cartão já existente. Essa nova solução, compatível simultaneamente com os cartões de identificação legados dos alunos e com o hardware existente no campus, seria implementada lentamente e se constituiria em:

  • Os leitores multiCLASS SE® da HID Global, o software PERSONA Campus™ e as travas SARGENT Passport da ASSA ABLOY, matriz da HID Global, fornecem criptografia integrada e maior segurança.
  • Cartões inteligentes Seos® da HID Global – proporcionam mais segurança, interoperabilidade entre as novas travas e os novos leitores, além de vários aplicativos de cartão possibilitados por essa tecnologia inovadora, que utiliza os leitores de mesa OMNIKEY® da HID Global para ampliar a utilização dos cartões Seos.
  • Impressoras de cartões de identificação FARGO® DTC4500e e codificadores da HID Global, juntamente com o software de personalização de cartões Asure ID® – redução no tempo de emissão e impressão com qualidade mais alta e laminação mais durável.

Desenvolvidos com a tecnologia de cartões inteligentes Seos, os novos cartões de identificação da Mason estão sendo usados inicialmente para acessar as instalações, os alojamentos, a biblioteca e os serviços de cantina. Até o momento, a George Mason instalou aproximadamente 3.500 novas travas e novos leitores e emitiu mais de 12.000 novos cartões de identificação para calouros.

Key Benefits

Benefícios

Agora, a universidade conta com uma tecnologia de ponta na segurança das instalações e controle em tempo real quando há necessidade de um bloqueio das saídas ou outras alterações. Além disso, também é possível modificar o sistema de controle de acesso de forma fácil e rápida, inclusive atualizar os privilégios dos cartões, cancelar e substituir cartões perdidos ou roubados e adicionar ou remover aplicativos. Ao mesmo tempo, o novo cartão de identificação permite que os alunos tenham acesso fácil a muitos aspectos da vida no campus.

A mudança para uma solução tecnológica baseada em Seos deu à universidade mais liberdade de escolha e a capacidade de acrescentar aplicativos para acompanhar o ajuste de escala no futuro e proporcionou a confiança de contar com a melhor segurança e proteção à privacidade da categoria para alunos e funcionários. A universidade espera concluir a migração dos cartões até 2017, com mais leitores e travas que serão implementados futuramente.

"Acredito que a Seos vai além do simples acesso às portas; ela permite gerenciar melhor as credenciais e devolve ao próprio departamento o controle sobre o seu funcionamento."

Danny Anthes

Gerente Sênior de Tecnologia de Informação, Universidade George Mason

Compatibilidade com várias tecnologias para credenciais

  • Adaptável
  • Eficientemente seguro
  • Comunicações padronizadas (OSDP)
Impressão de cartões com alto desempenho para grandes volumes
Solução para credencial única
iCLASS Seos 500X Smart Card

HID® iCLASS® Seos® 500x

  • Autenticação forte e versátil
  • Maior interoperabilidade
  • Suporte abrangente