Sensores de impressão digital V-Series da Lumidigm®

Visão Geral | Vantagem Tecnológica
  • Lumidigm V-Series Fingerprint Sensors

Os sensores de impressão digital V-Series da Lumidigm oferecem um desempenho líder na indústria biométrica independentemente das condições do ambiente ou da pele. Você pode depender do V-Series para obter imagens de qualidade superior de qualquer pessoa, a qualquer hora e em qualquer ambiente.

Os sensores de impressão digital V-Series da Lumidigm superam os outros sensores porque melhoram a produção, a precisão, a velocidade e a segurança de seu aplicativo. Deixe a tecnologia patenteada da Lumidigm resolver seus problemas de gerenciamento e acabar com a frustração dos usuários, fornecendo as imagens de alta qualidade que você espera... todas as vezes.

Imagem é Tudo
A tecnologia de imagem multiespectral da Lumidigm lê simultaneamente a superfície e a subsuperfície para capturar imagens claras e limpas todas as vezes, mesmo quando as características da superfície estão ausentes ou difíceis de distinguir devido a idade, sujeira, pressão dos dedos e condições da pele ou do ambiente. Nossos sensores registram e verificam todas as impressões digitais, incluindo aquelas que dão trabalho para os sensores convencionais. Resolva as falhas de registro (FTE) e as falhas de aquisição (FTA) com os sensores de impressão digital V-Series da Lumidigm.

Detecção de Vida Superior
Elimine os problemas de desempenho associados aos sensores de impressão digital convencionais. Os sensores V-Series da Lumidigm protegem contra impressões digitais falsas e fraudulentas por capturar dados de superfície e subsuperfície detalhados da ponta do dedo. Usando a melhor tecnologia de detecção de vida da indústria biométrica, nós oferecemos os sensores mais seguros e precisos disponíveis — mais de 20 mil amostras testadas e detectadas até o momento.

A leitura de imagem multiespectral patenteada é a tecnologia de autenticação de impressão digital mais segura, conveniente e confiável no mercado hoje. Disponível apenas em produtos e soluções da Lumidigm®, a leitura de imagem multiespectral pode registrar e verificar qualquer pessoa, a qualquer hora e em qualquer condição de ambiente.

A leitura de imagem multiespectral da Lumidigm® é uma tecnologia sofisticada desenvolvida especificamente para superar os problemas de captura de impressões digitais encontrados nos sistemas de leitura de imagem convencionais. Essa tecnologia mais eficaz se baseia no uso de múltiplos espectros de luz e técnicas ópticas avançadas para extrair as características únicas das impressões digitais tanto da superfície como da subsuperfície da pele. Essa capacidade subsuperficial é importante porque os sulcos das impressões digitais vistos na superfície do dedo têm sua fundação abaixo da superfície da pele, nos leitos capilares e outras estruturas subcutâneas.

Essa captura de dados aprimorada atenua as vulnerabilidades do sistema tradicional a condições ambientais e demográficas comuns:

  • Condições secas: Dedos secos são comuns, causados por vários fatores, como condições climáticas, características naturais da pele, lavagem das mãos ou viagens aéreas frequentes. A tecnologia de leitura de imagem multiespectral captura imagens de alta qualidade mesmo quando os dedos estão secos.
  • Condições úmidas: A umidade é uma condição bastante comum no mundo real. Alguns ambientes são naturalmente úmidos, devido ao clima (Londres) ou ao ambiente (um spa). Algumas pessoas têm as mãos úmidas. A tecnologia de leitura de imagem multiespectral captura imagens de alta qualidade mesmo em condições úmidas.
  • Diversidade demográfica: A biometria funciona porque as pessoas são únicas, mas as diversas populações de usuários são difíceis de lidar para muitos sistemas de biometria de impressão digital. A leitura de imagem multiespectral pode autenticar qualquer pessoa, não importa sua idade, etnia, trabalho ou estilo de vida.
  • Condições de rugosidade: As pessoas não têm tempo de lavar as mãos e passar creme antes de usar um sensor de impressões digitais. Mas as outras tecnologias exigem exatamente isso para atender aos requisitos de desempenho. Os sensores multiespectrais aceitam as pessoas como elas são, quer estejam no escritório, no canteiro de obras, quer estejam no campo.

Com a leitura de imagem multiespectral, esses problemas são resolvidos. Em programas de grande escala, testes-piloto, ensaios de campo e avaliações, a tecnologia de leitura de imagem multiespectral da Lumidigm® tem se provado a melhor tecnologia na indústria da biometria.

Detecção de Vida

Diversos materiais e métodos, desde os mais baratos aos muito sofisticados, podem ser usados para contornar os sistemas de identificação de impressão digital tradicionais. Algumas impressões digitais falsas são tão finas e incolores que ainda podem ser usadas sem serem detectadas em ambientes de controle de acesso com funcionários treinados.

Os sensores e módulos V-Series da Lumidigm® têm uma função de detecção de vida patenteada que olha além da superfície da pele e pode discriminar entre as características da pele viva e as cópias das características da impressão digital em uma fração de segundo. A leitura de imagem multiespectral vai além das medidas convencionais, orientadas ao contato, para oferecer não só um desempenho biométrico superior no mundo real, mas também a melhor função de detecção de vida na indústria. Ela fornece proteção contra métodos conhecidos e inéditos de produção e utilização de cópias de dedos que enganam os sensores de impressão digital convencionais.

A detecção de vida da Lumidigm é construída a partir de algoritmos avançados de aprendizagem automática e pode ser atualizada à medida que novas cópias forem identificadas. Diferentemente de qualquer outra tecnologia de impressão digital, essa capacidade de "aprendizagem" permite que os sensores de impressão digital da Lumidigm estejam atualizados contra novas ameaças.

É importante observar que toda a literatura publicada sobre como fazer cópias de dedos e testar a proteção contra fraudes se baseia em cópias feitas com um indivíduo cooperador. Embora coletar a impressão digital de um indivíduo não cooperador com certeza seja possível, é muito difícil criar uma cópia dessa impressão que é de uma qualidade suficientemente alta para corresponder à impressão do indivíduo e enganar a detecção de vida.